Novidades

Bombeiro militar é assassinado a tiros em Barreiras; É o segundo caso de 2017

Um cabo do Corpo de Bombeiros Militar foi assassinado a tiros na cidade de Barreiras, a 850 km de Salvador. Segundo o comandante da 83ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM), major Fábio Cruz, tudo aconteceu por volta das 17h30 desta quinta-feira (2/3), na Avenida Benedita Silveira.

“Testemunhas informaram aos policiais que homens em um carro, modelo ônix, pararam ao lado do veículo conduzido pelo bombeiro e fizeram vários disparos. Em seguida, eles fugiram”, conta o comandante. A vítima, João Batista da Silva, não resistiu aos ferimentos e morreu na hora dentro do automóvel.
Ainda de acordo com o major Fábio, o crime aconteceu em uma das avenidas mais movimentadas da cidade e a PM montou uma operação para a captura dos suspeitos. “Oito guarnições fecharam todas as saídas de Barreiras”, resume. Até a publicação desta matéria os bandidos ainda não tinham sido localizados.

Este foi o segundo bombeiro militar assassinado em Barreiras em 2017. O também cabo Ademon Gomes de Santana foi morto no dia 9 de janeiro, quando parou para atender uma suposta ocorrência e foi confundido com outro homem alvo dos bandidos. O mandante do crime já foi identificado, mas ainda não foi preso.



Aratu Online

Nenhum comentário