Candeias: Servidores municipais decretam ‘estado de greve’ em assembleia

Em assembleia realizada na Casa da Cultura, na manhã desta quinta-feira (9), os servidores municipais decretaram estado de greve após rejeitar a proposta de reajuste salarial feita pela prefeitura. A pauta chegou a ser discutida ontem (8) em uma reunião que se arrastou por horas com o prefeito Pitágoras Ibiapina e representantes do Sindicato dos Servidores Municipais de Candeias (Sisemec), mas não houve acordo.

Segundo o Sisemec, os trabalhadores reivindicam que os salários sejam reajustados em 17%. A proposta apresentada pela prefeitura propõe um reajuste de 6%, divididos em três parcelas de 4%, 1% e 1%, o que não foi aceita pela categoria.

O início da greve está previsto para a segunda-feira (13). Com a greve deverão ser mantidos 30% do efetivo e os serviços essenciais, como atendimento médico e limpeza urbana.

Em nota, a prefeitura afirmou que não há motivo para a categoria decretar “estado de greve”, já que, segundo o executivo municipal, as negociações com a categoria estão em andamento.


Baiana FM

Nenhum comentário

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();
Tecnologia do Blogger.