Novidades

Morador entra com representação contra Prefeitura e Câmara de Simões Filho

Com 100 dias de sua administração á frente da prefeitura municipal de Simões Filho, o prefeito Diógenes Tolentino (PMDB) continua abanando um verdadeiro "Carvão Molhado".


Além de se preocupar em gerir a cidade de pouco mais de 130 mil habitantes, o peemedebista tem que se preocupar também com os problemas extras que surgem diariamente. 


Recentemente o morador da cidade de Simões Filho Paulo Pessoa, entrou com uma ação no Ministério Público contra a prefeitura e a Câmara Municipal. 


De acordo com o denunciante, o motivo da denuncia foi á aprovação dos decretos 1.000/16 aumentando o salário dos vereadores, o decreto 1.001/06 aumentando o salário do prefeito e vice-prefeito e o decreto 1.006/16 que é responsável pela modificação organizacional da prefeitura. 


Paulo Pessoa falou com o Panorama de Notícias, sobre suas expectativas com a denuncia.


"Espero que a promotora acate a nossa representação, porque a criação dos decretos acima fere a Lei da Responsabilidade Fiscal. Eu não fui procurado por ninguém da gestão, e quero deixar claro que estou agindo como cidadão e não como político. Eu quero apenas a moralidade e o cumprimento das leis em nossa cidade" afirmou. 






Por Ataíde Barbosa







Nenhum comentário