Novidades

'Ainda estou me reconstituindo', diz Luiza Brunet 1 ano após ser agredida por ex-marido

A modelo Luiza Brunet usou as redes sociais neste domingo (21) para lembrar 1 ano da data que foi agredida pelo ex-marido o empresário Lírio Parisotto. Em uma publicação no Instagram, ela declarou que ainda está se recuperando após o trauma.

"Estou ainda me reconstituindo. Nós mulheres que passamos por isso podemos dimensionar o que isso causa no nosso coração.", escreveu na postagem do Instagram.

Na publicação, ela afirmou que a esperança é o que a motiva a seguir em frente. "Seguir é fundamental, as pétalas caem e outras nascem. A esperança que nos faz seguir, à espera de definições", relatou.

Agressão
Segundo relato de Luiza Brunet, ela sofreu agressões de seu então namorado, Lírio Parisotto, no apartamento dele, em Nova York. Ela fez uma representação em 23 de junho do ano passado ao Grupo de Atuação Especial de Enfrentamento à Violência Doméstica, do Ministério Público do Estado de São Paulo.

Na época, o promotor Carlos Bruno Gaya da Costa requisitou a realização de exames de corpo de delito e instaurou um procedimento investigatório criminal. A Justiça deferiu o pedido do Ministério Público e decretou medidas protetivas, pelas quais o empresário ficou proibido de se aproximar de Luiza e de manter contato com ela por qualquer meio. O processo corre sob sigilo.

Também naquele período, Parisotto se defendeu, por meio de nota e em seu perfil em rede social, segundo publicado na imprensa, negando as acusações e dizendo lamentar o ocorrido.


*Correio da Bahia

Nenhum comentário