Novidades

Jovem bailarina representa Simões Filho em Festival de Dança na Escola Bolshoi

A jovem Ana Clara Ramos, de 13 anos é umas das bailarinas que está participando do Festival de Dança de Joinville. De acordo com Guiness Book, o evento atrai turistas de todo o país e vai contar com milhares de bailarinos de toda parte do mundo. O festival será realizado na Escola do Teatro Bolshoi no Brasil, a única extensão estrangeira do Teatro Bolshoi de Moscou, com sede localizada no município de Joinville, no estado de Santa Catarina, com início nesta terça-feira (18), com previsão de término no dia 29 deste mês. Clara é aluna da Escola Maílson Lilás localizada no Centro de Simões Filho Região Metropolitana de Salvador.
A professora e proprietária da Escola Maílson Lilás, há 10 anos, Alana Barbosa Alves, de 27 anos, pensando na aprendizagem e enriquecimento dos currículos dos seus alunos, se inscreveu no Festival para participar dos cursos que serão realizados na Escola Bolshoi, por renomados professores. A professora estará realizando o curso para coreógrafo e treinador, a jovem Clara, fará curso para melhorar seu treinamento com as sapatilhas de pontas. Além de Clara outras duas alunas viajaram com a professora, e cada uma delas fará cursos para uma determinada especialização. Ambas se sentem muito felizes e realizadas em poder participar do evento.
“Eu sempre tive o desejo de fazer o diferencial na minha cidade, trazer a cultura do ballet. Eu espero um dia conseguir trazer essa cultura tão linda e preciosa de maneira correta e graciosa como é para a minha cidade. A Clara é uma das que estão entre as medalhas de ouro, apesar de ser minha prima eu não deixo passar, eu pego sempre no pé. Eu espero um futuro brilhante para ela e a incentivo buscar isso. Assim como todos os outros alunos, eu espero um dia a escola realize sonhos e leve os meus alunos aonde eles quiserem sem distinção”, contou animada.
Ana Clara está cursando a 7ª serie do 8º ano, e se mostra uma aluna muito dedicada e responsável. A bailarina que tem se destacado nas apresentações dentro de Simões Filho, conta que iniciou as aulas aos 08 anos de idade e não quis mais parar. “Minha família sempre foi muito importante, o que me ajudou a continuar esse sonho. Tenho sonho de entrar no Bolshoi e também fazer faculdade de engenharia de dança”, afirmou.
Sobre as dificuldades enfrentadas a garota revela que no balé têm várias, mas que se esforça o bastante para dar o seu melhor sempre. “Às vezes tenho que abrir mão de viagens, de sair com os amigos e familiares por conta de ensaios e apresentações, mas precisa justamente disso que eu tenha consciência de que gostamos e queremos progredir no ballet”, disse Clara.
Clara já participou de alguns espetáculos e competições, e está sempre nos destaques entre as bailarinas, o que é o maior orgulho para sua mãe, Ana Paula Barbosa, que se emociona a cada apresentação da filha. “Orgulho é pouco, me sinto realizada. É muito gratificante ver que meu esforço está dando resultado”, afirmou.
A gerente de loja, conta que todo sacrifício feito por sua filha é recompensado pelo orgulho que a garota dá a todos da família. Ana Paula conta que é separada, mas o pai de Clara é muito presente na vida da filha, e ajuda nas despesas. “Nem sempre participo das apresentações, pois preciso trabalhar minha prima que sempre a acompanha e me envia fotos e vídeos, que sempre me emocionam. Eu farei de tudo para ajudar a minha filha concretizar seu maior sonho”, concluiu.
Festival de Dança de Joinville 
Começa nesta terça-feira pela 35ª vez, com a missão de manter seu papel de símbolo da excelência em dança no Brasil. Evento pioneiro na área se reinventa a cada ano, e a cada edição bate seu próprio recorde. Em 2017, 7.800 pessoas confirmaram participação após 3.326 coreografias terem sido submetidas à tradicional seleção anual para a programação do Festival de Joinville. Serão 240 horas de espetáculos só na Mostra Competitiva, no Meia Ponta e nos Palcos Abertos, quando estudantes de dança são as estrelas do espetáculo.


*Fala Simões Filho

Nenhum comentário