Novidades

Temer acredita que queda de desemprego é resultado da reforma trabalhista


Ao participar de uma reunião de empresários dos países que integram um bloco econômico de nações emergentes, o presidente da república, Michel Temer, atribuiu, durante um discurso, a recente queda do desemprego no Brasil à aprovação da reforma trabalhista.

O criticado presidente disse que o País vive um momento de confiança e otimismo "fortes" e está "aberto" a grandes negócios, e repetiu o conteúdo do que disse um dia antes a empresários brasileiros e chineses em Pequim.

Temer mencionou as reformas já aprovadas e afirmou que ainda pretende promover a simplificação tributária e mudanças nas regras da Previdência Social. "Quem deseja prosperar tem de fazer a lição de casa, tem de se antecipar ao futuro. E, no Brasil, para por em ordem as contas públicas, temos conduzido reformas que há muito tempo foram adiadas, mas que restituem a saúde fiscal do Estado brasileiro", afirmou


*Radar da Bahia

Nenhum comentário