Novidades

Falta de combustível impede delegacia de investigar crime

A situação chegou ao nível crítico. Resolver crimes no município de Picos, no Sul do Piauí, tem sido uma tarefa ainda mais difícil, por causa da falta de combustível para abastecer as viaturas policiais da 3ª Delegacia Regional de Polícia Civil. A denúncia foi feita pelo delegado Jonatas Brasi. Diligências tiveram que ser interrompidas.

“Isso impossibilita a investigação dos crimes. Já temos dificuldades por conta da falta de efetivo e viaturas. Sem combustível não tem o que fazer. Não tem como intimar as pessoas, nem como cumprir mandado de prisão”, afirmou o delegado, em entrevista.

“Ele foi no carro da funerária para fazer o procedimento em uma ocorrência de um corpo encontrado em uma cidade próxima”, detalhou.

A Secretaria Estadual de Segurança Pública informou que quitou o débito com a empresa responsável por abastecimento e manutenção de viaturas policiais e aguarda o prazo de 24 horas para a regularização dos serviços.


*Radar da Bahia

Nenhum comentário