Novidades

Horário de verão podia deixar de existir


O fundamento do horário de verão funciona assim: quanto mais distante da linha do Equador uma região se encontra, mais longos serão os dias durante o verão, logo, as pessoas e empresas podem fazer um melhor uso da luz do dia não precisando recorrer à energia elétrica. Por isso, ela não vigora no Norte e Nordeste do país.

No entanto, a mudança pode deixar de ocorrer nos próximos anos. Isso se dá devido à queda na eficácia na economia de energia do Brasil. Em 2016, a economia gerada foi de R$ 159,5 milhões, em razão da diminuição do uso de usinas termelétricas durante o período, no entanto foi menor do que em 2015, que economizou R$ 162 milhões.

O governo Temer analisou suspender o horário de verão este ano, pois a economia alcançada em 2016 foi considerada insignificante para o setor elétrico, mas voltou atrás. Caso acontecesse, seria a primeira vez desde 1985 que o Brasil não adiantaria seus relógios em uma hora. A partir de 0h desse domingo (15) começa o horário de verão nos Estados do Sul, Sudeste e Centro-Oeste do país e irá durar até a meia-noite do dia 17 de fevereiro de 2018.


*Radar da Bahia

Nenhum comentário