Novidades

Deveria dar o exemplo! Ministra desiste de pedir acúmulo de R$ 61 mil


Após a polêmica envolvendo o acúmulo de salário da ministra dos Direitos Humanos, Luislinda Valois (PSDB), ela infelizmente teve que desistir do pedido feito para o governo, de acordo com a assessoria da magistrada.

Se fosse juntar os dois rendimentos, como a aposentadoria de desembargadora pelo Tribunal de Justiça da Bahia e o salário de ministra, ela iria receber R$ 61 mil por mês, sendo que o teto do funcionalismo é o salário dos ministros do STF (Supremo Tribunal Federal), de R$ 33.763.

Ainda mais um ponto muito questionado, foi a alusão que ela fez, no qual afirmou que se não recebesse o valor pelo trabalho "se assemelha a trabalho escravo", de acordo com jornal "O Estado de S. Paulo". Ela disse ainda em entrevista a uma rádio que não teria dinheiro para “comer, beber e se calçar”.

Atualmente, a ministra recebe R$ 30.400. Já o salário de ministra é de R$ 30.900.


*Radar da Bahia

Nenhum comentário