Novidades

Salvador é uma três cidades com mais violência doméstica no Nordeste





A Pesquisa Condições Socioeconômicas e Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher, divulgada na última quarta-feira (23), aponta que 27% das mulheres do Nordeste com idade entre 15 e 49 anos já foram vítimas da violência doméstica praticada por maridos, companheiros ou namorados, e qie Salvador, Natal e Fortaleza são as cidades onde essa violência mais acontece.

Na pesquisa, elaborada em parceria com o Instituto Maria da Penha e coordenada pelo professor José Raimundo Carvalho, da Universidade Federal do Ceará, foram ouvidas 10 mil mulheres por 250 entrevistadores.

De acordo com a secretária nacional de Direitos da Mulher, Fátima Pelaes, a inclusão do fator econômico nos dados da pesquisa é fundamental para a formulação de politicas públicas, porque a violência contra as mulheres afeta a renda das trabalhadoras: “É importante que a sociedade entenda que a violência doméstica está impactando a economia em torno de R$ 1 bilhão por ano. Precisamos envolver todo mundo nessa luta. As empresas precisam entender isso. Daí a ideia de formação da Rede Brasil Mulher, para mobilizar todos e todas no combate a essa violência, que passa de geração em geração”, disse.



*Metro1

Nenhum comentário