Novidades

Tréllez é denunciado e pode pegar 10 partidas de suspensão; saiba o motivo

A Procuradoria da Justiça Desportiva ofereceu nesta terça-feira, dia 7 denúncia contra o colombiano Santiago Tréllez, do Vitória, por suposta injúria racial contra Renê Júnior, no clássico Ba-Vi. O processo será julgado na próxima sexta-feira, dia 10 de novembro. O atacante corre risco de receber suspensão e multa.

De acordo com a súmula do árbitro Marcelo de Lima Henrique, a partida entre Bahia e Vitória, realizada no dia 22 de outubro, Renê Jr, atleta da equipe mandante, afirmou ter sido machado de “macaco” pelo adversário.


Segundo a denúncia, “as atitudes do atleta denunciado que levaram à revolta do ofendido não se limitam a meros xingamentos, tendo por certo extrapolado os limites do que se espera seja razoavelmente aceito como uma simples ofensa. Pelo contrário, diante da reação pode-se ter plena convicção de que houve sim ato discriminatório ou, admitindo-se em hipótese por amor ao debate, mesmo ato ultrajante”.

A Procuradoria enquadrou Santiago no artigo 243-G do Código Brasileiro de Justiça Desportiva. A pena prevista é de suspensão de 5 a 10 partidas, além de multa que pode variar entre R$ 100 a R$ 100 mil.


*Radar da Bahia

Nenhum comentário