Novidades

DESRESPEITO: Após nove expulsões Ba - Vi é encerrado no Barradão

Havia muita expectativa a cerca do primeiro Ba - Vi do ano, primeiro clássico com a presença das duas torcidas, o Vitória bem na competição, e o Bahia buscando se encontrar no certame.

Todos estes fatores caíram por terra depois que a bola rolou, principalmente no segundo tempo. Depois do gol de empate do Bahia logo no inicio da segunda etapa com o jogador Vinicius cobrando pênalti, uma grande confusão foi criada pelos jogadores tirando o brilho do espetáculo. 

Durante a briga o clássico ficou 16 minutos interrompido. Pelo lado do Bahia, os reservas Rodrigo Becão e Edson receberam o vermelho e Vinícius também foi posto para fora de campo, além de Lucas Fonseca. O goleiro Anderson, do Bahia, recebeu o amarelo. Pelo lado do Vitória, Kanu, Denílson e Rhayner foram expulsos. O goleiro Fernando Miguel recebeu o amarelo. 

Depois que a bola voltou a rolar, o Vitória teve mais um jogador expulso, o volante Uillian Correia depois de uma falta em cima do jogador Zé Rafael. Logo após a falta, o zagueiro Bruno Bispo estranhamente chutou a bola na frente do árbitro Jailson Macedo que expulsou o defensor rubro-negro, ficando o Vitória com apenas sete jogadores em campo.

O gol do Vitória foi marcado pelo jogador Denilson, ainda no primeiro tempo. 




Por Ataíde Barbosa/Foto: Felipe Oliveira/Divulgação/EC Bahia



Nenhum comentário