Novidades

SIMÕES FILHO: Prefeito revela que poderá fazer demissões




Durante Audiência Pública para prestação de Contas que tradicionalmente é feita pela Prefeitura Municipal de Simões Filho a cada três meses na Câmara de vereadores, com intuito de informar a população como e onde está sendo aplicado o dinheiro público, o prefeito Diógenes Tolentino (PMDB), falou sobre as dificuldades que estão sendo enfrentadas pela sua gestão para manter as contas em dias.

Segundo o gestor, 2017 foi uma ano onde eles procuram pagar as pendencia deixadas pela administração anterior e buscou deixar a casa em ordem, embora tenha havido bastante esforço para driblar os efeitos da crise que acomete o país o orçamento municipal ficou prejudicado.

O gestor que no ano passado implantou os programas de Recuperação Fiscal- “Refis”, no intuito de incentivar os contribuintes a quitar débitos referentes ao IPTU, TFF e ISS e o “Conciliar Para Crescer”, que tem a mesma finalidade e estará em Vigor até (20/07/18), ao que parece ainda enfrenta muitas dificuldades para aumentar a arrecadação municipal e caso não consiga alavancar o faturamento mensal do município terá que demitir alguns contratados e nomeados, para obedecer os limites impostos pela Lei de Responsabilidade Fiscal estabelecida pelo Tribunal de Contas do Estado, que diz que os municípios não podem gastar mais de 54% do que arrecadam com a folha de pagamento.

Durante a audiência, o prefeito Dinha afirmou ainda estar fazendo todos os esforços para cumprir os limites da lei, e que em 2017 não precisou fazer essas demissões, pois o Tribunal de Contas dos Municípios- TCM tem sido um pouco flexível devido a crise e também por se tratar do primeiro ano de administração, mas que em 2018 a realidade será outra e certamente não haverá tanta flexibilidade e a prefeitura de Simões Filho terá que se ajustar a Lei, o que poderá leva-lo a fazer essas demissões.

Embora esteja preocupado com a situação, o prefeito Dinha revelou estar bastante otimista por estar conseguir realizar com recursos próprios diversas obras no município.



*Simões Filho Online

Nenhum comentário