Novidades

Fachin concede prisão domiciliar a Maluf

O ministro Edson Fachin, relator do processo contra o deputado federal afastado Paulo Maluf, decidiu manter o regime de prisão domiciliar ao parlamentar afastado. A decisão foi embasada pelo estado de saúde de Maluf, que segue internado desde o dia dia 6 com quadro de metástase.

O relator propôs à Corte a concessão a prisão domiciliar “de ofício”, ou seja, por iniciativa da Corte, independentemente de pedido da defesa. Mais cedo, o plenário do Supremo Tribunal Federal votou contra o pedido de recursocontra a condenação de 7 anos, 9 meses e 10 dias de prisão expedida em dezembro do ano passado.

Maluf foi condenado em maio do ano passado pelo STF por lavagem de dinheiro. O deputado afastado já teve um primeiro recurso rejeitado em outubro pela Primeira Turma da Corte.



*Metro1

Nenhum comentário