Novidades

‘A Menina que Matou os Pais’: história de Von Ritchofen vira filme

A história do crime que chocou o Brasil em 2002 vai virar filme de suspense. “A Menina que Matou os Pais” narra o drama do julgamento de Suzane Von Richtofen e Daniel Cravinho, responsáveis pelo assassinato dos pais de Suzane, Manfred e Marisa Von Richtofen.

O filme é dirigido por Maurício Eça (“Apneia” e “Carrossel”) e o roteiro, assinado por Ilana Cosoy, crminóloga e maior especialista em serial killers do país, junto com Raphael Montes. O escritor brasileiro é especialista em literatura policial.

“É um thriller psicológico, de suspense, onde discutiremos os motivos que levaram ao fato em detalhes e discussões nunca antes debatidos sobre o caso. Sem dúvida alguma essa é uma história muito forte e original e por ser real torna tudo mais absurdo e instigante. O filme traz um tema que muita gente conhece e tem ideias pré-concebidas, mas as pessoas não sabem o mais importante que é o motivo que levou a filha e seu namorado a matarem seus pais”, contou Maurício Eça.

“A Menina que Matou os Pais” tem previsão para estrear no primeiro semestre de 2019. O roteiro já está pronto e as gravações começam neste ano. Suzane Von Richtofen foi condenada a 35 anos de prisão por ordenar o assassinato de seus pais, executados com golpes na cabeça por Daniel Cravinho – então namorado de Suzane – e o seu irmão Cristian.


*Bahia.Ba

Nenhum comentário