Novidades

Facebook divulga lista de páginas excluídas em julho por 'desinformação'


Em ofício enviado ao Ministério Público Federal de Goiás (MPF-GO), o Facebook justificou a exclusão de 196 páginas e 87 perfis, realizada no final de julho, e divulgou a lista de todas as contas afetadas pela medida. O órgão havia solicitado a apresentação do motivo que levou cada página e perfil a ser deletada. A rede social, no entanto, apresentou apenas uma explicação geral, semelhante a que já havia sido divulgada no dia da exclusão.

Confira a lista com todas as páginas afetadas aqui. Em relação aos perfis deletados, o Facebook divulgou apenas o número do ID, uma identificação interna, e não os nomes.

No documento, o Facebook afirma que as contas "faziam parte de uma rede coordenada que se ocultava com o uso de contas falsas no Facebook", e diz que a medida foi tomada após "depois de uma rigorosa investigação que identificou violação direta às nossas políticas de autenticidade".
Entre as irregularidades apontadas pelo Facebook estão: utilizar contas com nomes falsos; enganar as pessoas sobre a origem do conteúdo; enganar as pessoas na tentativa de incentivar compartilhamentos, curtidas ou cliques.

No dia em que as contas foram deletadas, a rede social divulgou um comunicado afirmando que elas "escondiam das pessoas a natureza e origem de seu conteúdo" e tinham o propósito de gerar "divisão e espalhar desinformação".

Diversas páginas e perfis eram ligadas ao Movimento Brasil Live (MBL), que classificou a medida como "censura".



*IBahia

Nenhum comentário