Novidades

Eduardo Alencar rebate criticas do vereador Orlando de Amadeu

O ex-prefeito da cidade de Simões Filho Eduardo Alencar (PSD), foi mais uma vez atacado com fortes criticas pelo líder do prefeito Diógenes Tolentino (MDB) na Câmara Municipal de Vereadores, na noite desta terça-feira (2), em mais uma sessão na Casa Legislativa.


Eduardo foi chamado por Orlando de Amadeu de caloteiro. 

"Como é que o ex-prefeito não pagou os salários dos funcionários, como é que ele deixou dinheiro para as obras?, ainda fica um vereador da oposição dizendo que o Padre está mentindo, vossa excelência deveria ter vergonha em dizer isso, o ex-prefeito é caloteiro, ele deixou uma divida gigante no valor de R$ 350 milhões em nossa cidade, me diga onde é que mora o ex-prefeito vereador Dene da Metalúrgica. Eu quero ver o vereador da oposição que ao invés de defender o povo, quer defender um homem que prejudicou a nossa cidade", desabafou. 

Em contato com a redação do Panorama de Notícias, Eduardo Alencar responde ao vereador e rebate as criticas.

"Os dois se merecem (Dinha e Orlando), são duas pessoas indignas de representar o município de Simões Filho, onde um é mentiroso e o outro tem que se preocupar com a morte de Binho do Quilombo porque a qualquer momento vem a tona os verdadeiros culpados. Em relação as dividas, eu mandei vários ofícios para a câmara de Simões Filho me prontificando em ir provar que o atual prefeito é mentiroso mas tive o meu direito negado. Simões Filho está num momento delicado com a folha de pagamento atrasada, devendo a saúde, hospital funcionando sem medicação, sem condições de funcionamento principalmente nos postos de saúde, fornecedores atrasados, o pagamento do transporte também em atraso, combustível atrasado comprometendo o andamento do município onde o atual prefeito está enganando as pessoas com nomeações para eleger a mulher dele que é candidata a Deputada Estadual, e em seguida irá demitir os servidores que foram contratados", respondeu Alencar.



Por Ataíde Barbosa

Nenhum comentário