Novidades

Ibope: Bolsonaro sobe entre mulheres e no nordeste

A pesquisa Ibope desta segunda-feira mostra o presidenciável Jair Bolsonaro (PSL) subindo em vários fragmentos sociais: sexo, escolaridade, renda e região. O levantamento que foi feito no final de semana de atos de mulheres contra o capitão reformado do Exército, nos dias 29 e 30 de setembro, chama a atenção a alta de 6 pontos de 18%, da última pesquisa do dia 26 de setembro, para 24%, com eleitoras de alta renda, principalmente, do Sudeste.

Bolsonaro também cresceu entre os homens, mas muito menos, de 36% para 39%. Já seu opositor mais próximo nas últimas pesquisas, Fernando Haddad (PT), se manteve estável entre as mulheres e entre os homens de 21% para 20%. Isso porque a margem de erro é de 2 pontos percentuais e os crescimentos e as recaídas são considerados fora dessa margem. Por exemplo, se Haddad tivesse diminuído de 21% para 17%, ele, tecnicamente e numericamente, teria caído porque já estaria fora da margem de erro.

Vale lembrar que a pesquisa registrada no TSE (Tribubal Superior Eleitoral) com número BR-08650/2-18, foi encomendada pela TV Globo e pelo jornal O Estado de São Paulo e feita com 3.010 pessoas de 208 municípios brasileiros. O nível de confiança é de 95%.

Mulheres
Jair Bolsonaro (PSL): 24% Fernando Haddad (PT): 20% Branco/Nulo: 14% Ciro Gomes (PDT): 12% Geraldo Alckmin (PSDB): 9% Não sabe/não respondeu: 6% Marina Silva (REDE): 5% João Amoêdo (NOVO): 3% Alvaro Dias (PODE): 2% Henrique Meirelles (MDB): 2% Cabo Daciolo (PATRI): 1% Eymael (DC): 0% Guilherme Boulos (PSOL): 0% Vera (PSTU): 0% João Goulart Filho (PPL): não pontuou

Homens
Bolsonaro: 39% Haddad: 21% Ciro: 10% Branco/Nulo: 9% Alckmin: 6% Não sabe/não respondeu: 4% Amoêdo: 3% Marina: 3% Alvaro: 2% Meirelles: 2% Cabo: 1% Boulos: 0% Eymael: 0% Vera: 0% Goulart Filho: não pontuou

Escolaridade
Com os eleitores que tem o ensino superior completo, Bolsonaro cresceu 9 pontos de 31% para 40%. Haddad passou de 18% para 14%.

Bolsonaro: 40%
Haddad: 14% Ciro: 12% Branco/Nulo: 8% Amoêdo: 7% Alckmin: 5% Marina: 4% Não sabe/não respondeu: 3% Alvaro: 2% Meirelles: 2% Boulos: 1% Cabo: 1% Eymael: 0% Vera: 0% Goulart Filho: não pontuou

Renda
Aqui, o deputado federal do PSL cresceu em dois setores: até um salário mínino (um salário equivale a R$ 954), de 13% para 19%, e mais de 5 salários, de 40% a 46%. Haddad se manteve estável nos dois, primeiro de 28% para 26% e, depois, de 18% para 17%.

Até um salário
Haddad: 26% Bolsonaro: 19% Branco/Nulo: 14% Alckmin: 12% Ciro: 10% Não sabe/não respondeu: 7% Marina: 5% Alvaro: 2% Meirelles: 2% Cabo: 1% Vera: 1% Amoêdo: 0% Boulos: 0% Eymael: 0% Goulart Filho: não pontuou

Mais de 5 salários
Bolsonaro: 46% Haddad: 17% Ciro: 10% Amoêdo: 7% Alckmin: 6% Branco/Nulo: 6% Alvaro: 2% Marina: 2% Não sabe/não respondeu: 2% Boulos: 1% Cabo: 1% Meirelles: 1% Vera: 1% Eymael: 0% Goulart Filho: não pontuou

Região
Pelas regiões brasileiras, o capitão reformado do Exército disparou em três: Norte/Centro-oeste, de 28% para 34%; Nordeste, de 15% para 21%; e Sudeste, de 29% para 35%. Haddad se manteve estável na primeira, de 23% para 23%; cresceu na segunda, de 30 para 35%; e caiu na última de 16% para 13%.

Norte/Centro-oeste (Acre, Amapá, Amazonas, Pará, Rondônia, Roraima e Tocantins/Distrito Federal, Goiás, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul)
Bolsonaro: 34% Haddad: 23% Alckmin: 9% Ciro: 8% Branco/Nulo: 8% Marina: 5% Não sabe/não respondeu: 5% Meirelles: 3% Alvaro: 2% Amoêdo: 2% Cabo: 1% Boulos: 0% Eymael: 0% Vera: 0% Goulart Filho: não pontuou

Nordeste (Alagoas, Bahia, Ceará, Maranhão, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte e Sergipe)
Haddad: 35% Bolsonaro: 21% Ciro: 15% Branco/Nulo: 10% Alckmin: 5% Marina: 5% Não sabe/não respondeu: 5% Meirelles: 2% Alvaro: 1% Amoêdo: 1% Cabo: 1% Boulos: 0% Eymael: 0% Vera: 0% Goulart Filho: não pontuou

Sudeste (Espírito Santo, Minas Gerais, Rio de Janeiro e São Paulo)
Haddad: 13% Bolsonaro: 35% Branco/Nulo: 14% Alckmin: 10% Ciro: 10% Não sabe/não respondeu: 5% Amoêdo: 4% Marina: 4% Meirelles: 2% Alvaro: 1% Cabo: 1% Boulos: 0% Eymael: 0% Vera: 0% Goulart Filho: não pontuou

** Foram considerados aqui os fragmentos em que Bolsonaro cresceu mais de 6 pontos. Isso não quer dizer que ele não tenha crescido menos que isso em outros e até mesmo caído.


*Yahoo

Nenhum comentário