Novidades

Ajudante de pedreiro é morto por sogro após defender sogra em briga

O ajudante de pedreiro Tiago Amaral dos Santos, 28 anos, foi morto a facadas na noite deste domingo (6), no bairro Alto da Terezinha, em Salvador. Familiares acusam o companheiro da sogra dele, com quem havia brigado momentos antes, pelo crime. 

Segundo a mãe de Tiago, a cuidadora de crianças Maria d'Ajuda Amaral, 56, o filho saiu em defesa da sogra. "Ele estava na casa da namorada, quando o companheiro da sogra começou a agredi-la. Meu filho só tinha um mês frequentando a casa dela, mesmo tempo de namoro, mas ficou furioso com as agressões e tomou as dores", contou Maria. 

Tiago acabou agredindo o companheiro da sogra e é filho dele, que também estava na casa e estava envolvido na confusão. "Depois da briga, meu filho resolveu dormir, pois estava exausto e também havia bebido o dia todo com todos eles", contou Maria .

O crime aconteceu depois, quando o casal dormia em um dos quartos da casa. "Ele pegou na covardia. Ele deu o primeiro golpe na namorada dele, um dos braços. Ela acordou gritando para meu filho correr. Tiago acordou assustado e ao se levantar, foi esfaqueado três vezes nas costas", relatou a mãe. 

Após o crime, o suspeito fugiu. Tiago deixou um filho de 9 anos. A Polícia Civil informou que a 3ª Delegacia de Homicídios investiga a morte. "O corpo foi encontrado com ferimentos de arma branca. A autoria e motivação está sendo investigada", destacou a Polícia Civil.



*Correio da Bahia

Nenhum comentário