Novidades

"É prematuro fazer pré-julgamentos", diz Rui Costa sobre governo Bolsonaro

Em entrevista nesta quarta-feira (16) ao programa Balanço Geral, da RecordTV Itapoan, o governador do estado, Rui Costa (PT), abordou alguns temas importantes para o cidadão baiano. Entre os assuntos, o relacionamento dos governos estadual e federal, uma vez que o presidente Jair Bolsonaro (PSL) já deu declarações contrárias ao PT. Segundo Rui, com apenas 16 dias de governo, qualquer avaliação agora seria precipitada.

O governador disse ainda que além da Bahia, os demais governadores do Nordeste pediram uma audiência com o pesselista. “Seria prematuro avaliar o governo. Prefiro avaliar medidas pontuais que foram anunciados, como a posse de armas, por exemplo. E não me preocupo como político, e sim como cidadão. Tenho filhos. Não quero fazer pré-julgamentos, ainda é cedo, são apenas 16 dias para a gente fazer uma avaliação. Nós governadores do Nordeste solicitamos audiência pra discutir melhorias para a região. Queremos ser recebidos como manda a constituição”, declarou.

Em outro momento, o petista falou do seu partido. De acordo com ele, é necessário que a legenda faça mudanças. “O PT precisa se renovar, se aproximar mais da população. Houve um afastamento, o PT precisa voltar a se aproximar da população mais pobre”, disse.

Por fim, a pauta foi o Carnaval. Rui Costa afirmou que, apesar de Salvador fazer a maior festa de rua, o Governo do Estado também tem apostado em outras cidades do interior para fortalecer o turismo das regiões litorâneas e citou Porto Seguro como exemplo. “Temos apostado no carnaval de outras cidades. Temos que diversificar para atrair as pessoas de diferentes gostos de outros estados. Em Porto Seguro, queremos fazer um novo aeroporto através da Parceria Público Privado (PPP). É importante para a região”, finalizou.


*Radar da Bahia

Nenhum comentário