Novidades

Vitória demite diretor de futebol

Nesta segunda-feira (14), véspera da sua estreia na Copa do Nordeste, o Vitória anunciou uma mudança drástica em seu departamento de futebol. O diretor do setor, Jorge Macedo, foi demitido do clube.

A novidade foi divulgada no início da noite, através de um breve comunicado nas redes sociais. O clube completou dizendo que está em negociação com um gerente de futebol, que será anunciado em breve.

Segundo apurado pelo CORREIO, o salário do executivo era considerado alto demais para a nova realidade financeira do rubro-negro, na Série B e com um corte significativo de receitas. Os reforços trazidos por ele em 2018 também não agradaram a diretoria.

Jorge Macedo foi contratado pelo Vitória em junho de 2018, em substituição a Erasmo Damiani. Coube a ele comandar a reestruturação do elenco após o fracasso no Campeonato Baiano e na Copa do Nordeste.

Foram dez contratações: o goleiro João Gabriel, o zagueiro Ruan Renato, os laterais esquerdos Fabiano e Marcelo Benítez, os volantes Arouca e Marcelo Meli e os atacantes Erick, Maurício Cordeiro, Walter Bou e Bruno Gomes.

Destes, apenas João Gabriel, Benítez e Erick foram aprovados e seguem na Toca, assim como Maurício Cordeiro, que teve pouco espaço. Os demais foram realocados em outros clubes no início deste ano pelo próprio Macedo, antes da sua demissão.

Ruan Renato foi para o Figueirense, Fabiano para o Coritiba e Meli para o Belgrano. Walter Bou está em processo de negociação para retornar ao Boca Juniors. Arouca foi embora em dezembro ao final do contrato e Bruno Gomes sequer estreou.


*Correio da Bahia

Nenhum comentário