Novidades

Deputado e senador lamentam morte de Ricardo Boechat

A cada momento que passa, aumenta a manifestação das pessoas em relação a morte do jornalista Ricardo Boechat, no inicio da tarde desta segunda-feira (11). 

O âncora do Grupo Bandeirantes e Radialista, morreu Carbonizado após o helicóptero em que ele estava, cair na rodovia Anhanguera.

Boechat era respeitado principalmente no meio político, onde emitia fortes opiniões contra a classe.

Usando suas redes sociais, o senador Otto Alencar (PSD) e o deputado estadual Eduardo Alencar (PSD), também lamentaram a morte do comunicador. 




Boechat tinha 66 anos, era apresentador do Jornal da Band e da rádio BandNews FM e tinha uma coluna semanal na revista ISTOÉ. O jornalista nasceu em Buenos Aires, na Argentina, quando o pai Dalton Boechat, diplomata, estava a serviço do Ministério das Relações Exteriores. Dono de um humor ácido, usava essa característica para noticiar fatos e criticar situações. O tom era frequente nos comentários de rádio, televisão e também na imprensa escrita.




Por Ataíde Barbosa

Nenhum comentário