Novidades

Lula é condenado a 12 anos e 11 meses de prisão em ação do sítio de Atibaia

O ex-presidente Lula foi condenado nesta quarta-feira (6) pela juíza substituta Gabriela Hardt a 12 anos e 11 meses de prisão, por corrupção e lavagem de dinheiro, na ação sobre o sítio de Atibaia (SP), segundo o G1. Cabe recurso.

Na denúncia, o Ministério Público Federal (MPF) acusou o presidente de receber propina do Grupo Schain, José Carlos Bumlai, OAS e Odebrecht por meio da reforma e decoração do sítio Santa Bárbara, em Atibaia.

Segundo a peça, foram pelo menos R$ 128 milhões repassados pela Odebrecht e outros R$ 27 milhões da OAS. No entendimento dos procuradores, parte desse montante foi utilizado para adequar a propriedade às necessidades de Lula.

O MPF defendeu que, em troca, Lula auxiliou as empreiteiras ao manter nos cargos os ex-executivos da Petrobras Renato Duque, Paulo Roberto Costa, Jorge Zelada, Nestor Cerveró e Pedro Barusco, responsáveis por comandar boa parte dos esquemas de corrupção na estatal descobertos pela Lava Jato.

Preso desde abril do ano passado, Lula já cumpre pena de 12 anos e 1 mês, referente a outra condenação, em processo do triplex do Guarujá.



*Bahia.Ba

Nenhum comentário