Novidades

Após torturar ex-marido, vereadora é condenada a cinco anos de prisão

A vereadora Verônica Costa (MDB), do Rio de Janeiro, foi condenada pela Justiça a cinco anos e dez meses de prisão, em regime semiaberto, por torturar o ex-marido. O motivo seria a suspeita de que o homem teria uma amante.

Além da parlamentar, quatro parentes dela também foram condenados pela Justiça, por suspeita de amarrar a vítima no banheiro com correntes, corda e cadeado, antes de torturá-lo.

“Me bateram. Jogaram um produto químico no meu corpo. Não sei se era gasolina ou querosene. Ficaram ameaçando colocar fogo no meu corpo. Ela ficou repetindo que eu tinha amante. Depois, falou que eu estava roubando o dinheiro dela”, relatou a vítima, no ano de 2011, quando a tortura teria acontecido.

Entretanto, a vereadora nega as agressões e o advogado dela afirmou que ela irá recorrer.



*Radar da Bahia

Nenhum comentário