Novidades

Educadora é assassinada com golpes de tesoura dentro de casa

A educadora Angélica de Figueiredo Lima, 42 anos, foi morta na noite desta segunda-feira (23/09), por volta das 20h, no bairro Rio do Ouro, em São Gonçalo, Região Metropolitana do Rio de Janeiro. Ela foi espancada dentro de casa por um homem que teria invadido sua residência. O caso é investigado pela Delegacia de Homicídios de Niterói, São Gonçalo e Itaboraí (DHNSGI).

A vítima morava sozinha e ao chegar em casa, na Rua Manoel Gonçalves Montes, foi atacada por um homem que já estava dentro de sua residência. Angélica foi agredida por socos, pontapés e golpes de tesoura. Mesmo ferida, ela ainda conseguiu ligar para a irmã, que a socorreu para o Hospital Estadual Alberto Torres, no Colubandê, mas ela não resistiu aos ferimentos.

Nas redes sociais, a Creche e Escola Passo a Passo, onde a vítima trabalhava, lamentou a morte da professora.

“A Passo a Passo Creche Escola hoje está em LUTO. Nossa querida Professora Angélica Lima já não está entre nós. Sua dedicação e cuidados com as crianças, amigos de trabalho e pais, sempre serão lembrados. Nossa eterna gratidão pela convivência e sensibilidade como pessoa humana. Desejamos que Deus conforte a família e que Angélica esteja em seus braços”, publicou a instituição.


*Informe Baiano

Nenhum comentário