Novidades

Casos de importunação sexual somam 222 denúncias na Bahia

A Bahia contabilizou 222 casos de importunação sexual entre maio e agosto deste ano, segundo dados da Coordenação de Documentação e Estatística Policial, fornecidos pela SSP. Os registros não especificam os locais em que se deram os casos.

Vale lembrar que a Bahia só começou a contabilizar denúncias sobre o crime de importunação sexual oito meses depois da sanção da Lei 13.718/18. Os dados da Secretaria de Segurança Pública (SSP-BA) começaram a ser coletados no mês de maio deste ano, enquanto a lei foi sancionada pelo ex-presidente Michel Temer em setembro de 2018 e completou um ano no último dia 24.

A advogada Louise Y Diaz explica que a lei caracteriza como crime de importunação sexual a realização de ato libidinoso na presença de alguém e sem seu consentimento, como toques inapropriados ou beijos roubados. E, mesmo passado um ano da Lei, é comum a confusão entre importunação sexual e o assédio sexual.


*Radar da Bahia

Nenhum comentário