Novidades

Nome do aeroporto de Salvador será removido da fachada

A Vinci Airports, filial do Grupo Vinci, concessionária que administra o aeroporto de Salvador, informou que o equipamento terá uma nova fachada a partir de dezembro. A francesa explica que para execução das melhorias foi necessário retirar a cobertura de pastilhas e o letreiro com o nome oficial, Aeroporto Internacional de Salvador - Dep. Luís Eduardo Magalhães.

“Sua fachada, que já estava bastante desgastada, está passando por uma renovação completa. Um painel com isolamento termoacústico substituirá as antigas pastilhas. Além de ser composto por material mais resistente às intempéries, ele melhorará a sensação térmica dentro do terminal de passageiros, diminuindo o consumo de energia elétrica com refrigeração e deixando o aeroporto ainda mais sustentável. Outra vantagem é reduzir possíveis impactos sonoros”, informa a francesa por meio de comunicado.

A Vinci acrescenta que a nova fachada estará alinhada aos padrões da empresa francesa após a concessão. Esta intervenção não é uma obrigação que consta no contrato assinado com a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac).

Obras
A primeira etapa de obras do aeroporto será encerrada em 31 de outubro. Ela contempla 90% das intervenções previstas no Contrato de Concessão com a Anac. As obrigações previstas no Contrato são principalmente de ordem estrutural, como ampliação do Terminal de Passageiros, reforma das duas pistas, ampliação do pátio de aeronaves e acréscimo de seis novas pontes de embarque (fingers). A cerimônia de inauguração acontecerá no dia 04 de dezembro.

A segunda etapa das intervenções tem início dia 01 de novembro e contempla: aumento do número dos balcões de check-in, instalação de duas novas pontes de embarque e instalação de seis equipamentos de raio-x.


*Metro1

Nenhum comentário