Novidades

Quase 36 milhões de trabalhadores ainda não sacaram dinheiro liberado pelo FGTS

Quase 36 milhões de trabalhadores, de um total de 96 milhões com direito ao benefício, ainda não retiraram o dinheiro liberado pelo Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) para saque imediato.

De acordo com a coluna Estadão, do jornal Estado de São Paulo, desta segunda-feira (24), aproximadamente R$ 15 bilhões estão parados nos bancos aguardando serem sacados. 

Segundo o Ministério da Economia, muitos trabalhadores acreditam que, se buscarem os recursos, estarão optando automaticamente pelo “saque aniversário” - realizado anualmente.

Esta percepção, contudo, é equivocada. Pelo saque imediato, é possível retirar até R$ 998 de cada conta do fundo, ativa ou inativa.

A pasta também acredita que outro contingente pode não ter efetuado o saque para não reduzir o valor de sua poupança em caso de ser demitido sem justa causa.

A movimentação na conta pode ser feita sem custo pelo app do FGTS ou nas agências da Caixa. Também segundo o periódico, além do dinheiro empoçado no FGTS, há mais R$ 21 bilhões de contas inativas do PIS/Pasep até 1988 também liberados e não sacados.



*Radar da Bahia 

Nenhum comentário