Novidades

Grife cobra R$ 4.600 em sandália de couro encontrada na Barroquinha por R$ 20


Tradição no Nordeste brasileiro, as famosas sandálias de couro ganharam novos ares. Mas se engana quem acredita que são os artesões locais, em sua maioria, responsáveis pela cultura dos calçados trançados feito à mão que estão por trás dessa fama.

A grife Prada surpreendeu internautas na última quinta-feira (25) ao exibir o produto em seu catálogo online. Na descrição, a marca informa que a sandália também foi feita à mão, seguindo a tradição brasileira, mas o choque mesmo ficou por conta do produto, US$ 850, o equivalente a R$ 4.658, na cotação atual.

Em Salvador, é possível encontrar peças similares a que está sendo anunciada pela grife com o valor 4375 mil vezes menor. Com o dinheiro investido em uma peça da Prada, caso as sandálias continuem sendo vendidas por R$ 25, é possível comprar 186 pares na capital baiana. O bairro da Barroquinha, por exemplo, é conhecido por comercializar peças de couro. É possível encontrar peças a partir de R$ 5 reais, para incrementar o guarda-roupa ou até mesmo decorar a casa.

A atriz Regina Casé foi uma das atrizes que se pronunciou sobre o assunto, falando da origem do produto. “Da feira de Caruaru! Brasil!”, escreveu a carioca.

Nos comentários da postagem do perfil de humor e celebridades ‘Vem Me Buscar Hebe’, internautas sugeriram outros locais para comprar a sandália e economizar no bolso.

“Pelourinho aqui em Salvador a gente acha de 15, ainda tem vários modelos!!!”, disse uma. “Eu vou pra Caruaru, volto, compro uma sandália igual lá e ainda não gasto esse valor todo”, brincou outra. “Eu compro por 20 em Aracaju, se conversar vai para 15”, comentou uma terceira. “Esses gringos vão lá no nordeste compram várias a 15 conto e metem um carimbo da Prada e as blogueiras vão comprar!”, observou mais uma.



*Bahia.Ba

Nenhum comentário