Novidades

Pandemia levou ao fechamento de 135 mil lojas no País


A crise provocada pela pandemia do novo coronavírus levou ao fechamento de 135 mil estabelecimentos comerciais no País no segundo trimestre deste ano. A perda equivale a 10% do número de estabelecimentos comerciais que existiam antes da crise sanitária, segundo cálculos da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC).

O estudo prevê que a migração gradual de parte das vendas presenciais para o comércio online deve fazer o varejo encerrar o ano com 88 mil lojas a menos.

Nenhum ramo do varejo registrou expansão no número de pontos de vendas entre abril e junho, mas a pandemia afetou mais os segmentos considerados não essenciais.

As maiores perdas aconteceram nos ramos de utilidades domésticas (-35,3 mil estabelecimentos, uma queda de 12,9% no total de lojas em relação ao patamar pré-pandemia); vestuário, tecidos, calçados e acessórios (-34,5 mil lojas, recuo de 17,0% ante o nível anterior à covid-19); e comércio automotivo (-20,5 mil estabelecimentos, 9,9% a menos que no pré-pandemia).

Já o segmento de produtos de informática e comunicação teve as menores perdas absolutas (-1,2 mil) e relativas (-3,6%) no número de estabelecimentos em operação.



*Radar da Bahia 

Nenhum comentário