Novidades

 


Prefeito descarta nova variante do coronavírus em Feira de Santana



O prefeito de Feira de Santana, Colbert Martins, disse ao CORREIO que não há possibilidade da existência de uma nova variante da covid-19 circulando na cidade. Segundo ele, a investigação conduzida no Instituto de Saúde da Universidade Federal da Bahia (Ufba) tem a intenção de entender o porquê do agravamento do estado clínico e a posterior morte de um paciente de jovem, sem comorbidades, que preocupou as autoridades sanitárias do município.

Por telefone, o prefeito explicou o motivo de realizar uma pesquisa sobre o comportamento do vírus em um paciente e negou qualquer possibilidade de variante na cidade. "Nós colhemos o material para avaliar um caso, que se mostrou diferente do comum, só isso. Não é por conta de uma suspeita de uma variante. É uma avaliação de um falecimento que demanda uma pesquisa para entender um caso que não se adequou aos outros casos que identificamos aqui", declara.

Segundo Colbert, a iniciativa de pesquisar sobre o casos vem da maior incidência de casos graves por covid-19 nas últimas semanas. "O aumento de casos mais graves nos chamou a atenção. Quando aparece um caso de uma pessoa mais jovem, sem nenhuma comorbidade, o poder municipal entende que poderia ter outra explicação, que era algo que merecia uma investigação", diz Colbert, reafirmando que não existe uma variante e que a investigação é conduzida para entender o aumento dos casos graves no local para facilitar o combate à pandemia.

De acordo com a Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab), nas últimas duas semanas - entre os dias 19 de janeiro e 2 de fevereiro, Feira de Santana registrou 2.038 novos casos de coronavírus, chegando a 26.388.



*Correio da Bahia

Nenhum comentário