Novidades


 

 


“Loba do Tinder” é presa em São Paulo acusada de golpes em app de namoro



Patrícia Pereira, conhecida como Loba do Tinder, foi presa em Campinas, São Paulo, acusada dos crimes de estelionato, difamação e extorsão, usando um app de namoro para aplicar golpes.

Ela era procurada desde 2018 pela Polícia do Distrito Federal. Segundo o delegado Ataliba Neto, a Loba Do Tinder teve mais de 100 vítimas. Ela se relacionava sexualmente com as presas encontradas no aplicativo e depois pedia empréstimos alegando problemas pessoais.

Ela chegou a ser presa em novembro de 2018, mas conseguiu habeas corpus no mês seguinte e passou a responder em liberdade. Ela, no entanto, se mudou de Brasília sem comunicar à justiça e passou a ser considerada foragida.

Com uma das vítimas, a Loba Do Tinder teria extorquido R$ 50 mil. Segundo as investigações, ela chantageava homens casados e conseguia mais dinheiro.

Patrícia, que não resistiu ao ser abordada, foi levada a uma delegacia de polícia e será transferida de volta ao Distrito Federal.




*Varela Notícias

Nenhum comentário