Novidades


 

 


Rodoviários finalizam assembleia pedindo vacinação e cogitam greve geral



Após quatro horas de assembleia na manhã desta sexta-feira (28), com paralisação dos ônibus em Salvador, o Sindicato dos Rodoviários informou ao Metro1 que a categoria decidiu reivindicar a vacinação contra a Covid-19 e aceitar o valor proposto pelo Tribunal Regional do Trabalho (TRT), que sugere reajuste de 7,59% para a categoria (a ser dividido em três vezes). O sindicato patronal havia proposto reajuste de 3%.

O sindicato criticou ainda a suspensão da vacinação em Salvador e aprovou uma monção de repúdio ao secretário municipal de Saúde, Leo Prates, por ter dito que a vacinação havia alcançado todos os rodoviários. "Não é verdade. Fizemos uma enquete e 30% da categoria não foi imunizada nem com a primeira dose ainda", diz Fábio Primo, um dos líderes do movimento.

Na próxima segunda-feira (31), sindicato dos rodoviários, sindicato patronal e juízes do Tribunal Regional do Trabalho (TRT) vão tentar fechar um acordo para o reajuste salarial. Os rodoviários concordaram com o valor do TRT, mas não querem o valor dividido em três parcelas.

"Se nesta reunião não chegarmos a um acordo, podemos decretar greve já na próxima terça-feira. Não temos muito mais o que negociar. Essa é nossa posição", diz Primo.




*Metro1

Nenhum comentário