Novidades


 

 


Empresário é condenado a pagar multa por oferecer cloroquina a funcionários


Uma multa de € 50 mil, mais de R$ 300 mil, foi exigida em um tribunal francês ao fundador de um importante grupo de empresas do setor químico da França, julgado, na quinta (3), por ter oferecido comprimidos de cloroquina a seus funcionários durante a pandemia de coronavírus.

O uso do medicamento em tratamento contra a Covid-19 é proibido na França.

René Pich, 80, foi processado por exercício ilegal das profissões de farmacêutico e médico, aquisição ilícita de drogas, contrabando e porte de substâncias tóxicas, e compareceu por quase seis horas ao tribunal durante o julgamento na França.



*Metro1

Nenhum comentário