Novidades


 

 


Bellintani declara que Bahia precisa de reforços


O presidente do Bahia, Guilherme Bellintani, voltou a falar na última quinta-feira (22) sobre a necessidade de reforços para o time. Entrevistado pelo aplicativo oficial do clube, o mandatário tricolor voltou a citar as dívidas do clube, mas reconheceu que as contratações são necessárias. De acordo com o mandatário, a equipe precisa de "mais uma ou duas peças".


"Se tem uma coisa que acho positiva, é que parte grande da torcida entendeu que futebol não se faz só com contratação, mas com organização do cube. Desde setembro de 2019, 10% da receita vai para pagar uma dívida só, com a BWA. Esses 15 milhões que estão presos na justiça poderiam ser investidos no futebol. Temos uma dívida enorme para administrar. O torcedor sabe que a irresponsabilidade administrativa e financeira tem impacto direto no futebol. Clube mal gerido vira clube de Série C. Vide o Cruzeiro, que está na Série B. O tema futebol está diretamente ligado a gestão financeira. Sabemos que precisamos de complemento no elenco. Além dos dois que não estrearam, sabemos que precisamos de mais uma ou duas peças", disse.


Bellintani reiterou os problemas com dívidas e destacou o cuidado para não errar nos investimentos para o time.


"Esse ano não investimos em aquisição de jogador, não temos dinheiro para isso. Estamos suando para pagar salário e imagem. Enquanto não voltar público, não temos dinheiro para coisas básicas. Nosso quadro de sócios caiu pela metade. Sei que o torcedor não quer ouvir choro, mas sim solução. Pretendemos fazer um campeonato melhor do que temos feito, com investimento menor do que temos feito. Nós ainda temos que reforçar o elenco. Não será o reforço ideal. Temos que tomar muito cuidado esse ano. Se errarmos, a gente se afunda em dívida novamente e vamos prejudicar o clube em médio e longo prazo. É ano de cautela. Entendemos que precisamos de mais uma ou duas peças além dos que ainda não estrearam", pontuou.


Nas últimas semanas, o clube contratou o meio-campistas Lucas Mugni e o centroavante Hugo Rodallega. Os dois, que estavam no futebol turco, ficam à disposição a partir de agosto por conta da janela internacional.




*Bahia Notícias

Nenhum comentário