Novidades


 

 


Governador diz que se arrepende de ter votado em Bolsonaro em 2018


O governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (PSDB), comentou sobre ter votado no presidente Jair Bolsonaro, nas eleições de 2018, quando no segundo turno o mesmo enfrentou Fernando Haddad (PT).

Em entrevista à GloboNews, Leite, que pretende disputar a Presidência em 2022, explicou que na época, para ele a volta do PT ao poder era pior.

"A volta do PT era ruim, mas não me fazia concordar com Bolsonaro. Mesmo assim, foi um erro, porque menosprezamos a capacidade de fazer o mal", disse.

O governador pontuou que, caso pudesse voltar atrás, não votaria no atual presidente. "Não tenho como dar o voto a Bolsonaro, tem requintes de crueldade ali", disse.

"A questão é o que é a agenda clara do Bolsonaro? Não tem uma agenda clara de economia, de inclusão social, de educação", acrescentou.




*Varela Net

Nenhum comentário