Novidades


 

 


Após derrota na Câmara, Bolsonaro volta a questionar sistema eleitoral brasileiro


Mesmo com a derrota na votação da PEC do voto impresso na Câmara dos Deputados, o presidente Jair Bolsonaro voltou a questionar a lisura e a segurança das eleições brasileiras na manhã desta quarta (11).

"Números redondos: 450 deputados votaram ontem. Foi dividido, 229 a favor, 218 contra. É sinal que metade não acredita 100% na lisura dos trabalhos do TSE. Não acreditam que o resultado ali no final seja confiável", disse Bolsonaro. Hoje em dia sinalizamos uma eleição. Não é que está dividida. Uma eleição onde não vai se confiar no resultado das apurações", disse o presidente a apoiadores no “cercadinho do Alvorada”.

Apesar de ter sido eleito em 2018 por meio das urnas eletrônicas, Bolsonaro tem defendido a implementação do voto impresso e acusado constantemente o TSE de fraude em eleições anteriores.Quando foi pedido que o presidente provasse as fraudes, o mesmo não conseguiu.




*A Tarde

Nenhum comentário