Novidades


 

 


Athletico responde acusações do Vitória e afirma que Pedrinho estava livre no mercado


O Athletico Paranaense respondeu, nesta quarta-feira (15), as acusações de calote por parte da diretoria do Vitória, envolvendo a compra do lateral Pedrinho.

Ao Galáticos Online, o clube paranaense informou que não deve nada ao rubro negro baiano, pois no “ato do fechamento do contrato com o atleta, ele estava livre no mercado”.

Por meio de uma nota assinada pelo Presidente do Conselho Diretor em exercício, Luiz Henrique Viana Pereira, e divulgada nesta terça-feira (14), o Vitória revelou que protocolou uma medida processual junto à Câmara Nacional de Resolução de Disputas da CBF “para fins de impor ao Athletico Paranaense o cumprimento do acordo”.

Confira a nota na íntegra:

“O Esporte Clube Vitória vem a público manifestar, através do Presidente do Conselho Diretor em exercício, Luiz Henrique Viana Pereira, que não ocorreu o pagamento devido pelo Athletico-PR, referente a negociação envolvendo o lateral-esquerdo Pedrinho.

O jogador foi regularizado pelo Athletico, tendo seu nome publicado no Boletim Informativo Diário da CBF, o que lhe deixa apto para disputar partidas pelo novo clube.

Assim, o Vitória reforça que desconhece os motivos para o não cumprimento do contrato celebrado entre os clubes, assim como para o não pagamento do valor ajustado.

Informa ainda que medida processual já foi protocolada junto à Câmara Nacional de Resolução de Disputas da CBF, para fins de impor ao Athletico Paranaense o cumprimento do acordo”.

Nenhum comentário