Novidades


 

 


Bahia tem 32,2% de chances de rebaixamento, diz UFMG



Com 21 pontos, resultado de seis vitórias, três empates e 10 derrotas, o Bahia tem 32,2% de risco de rebaixamento para a Série B. A estimativa é do Departamento de Matemática da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). O Brasileirão da série A tem uma disparidade de número de jogos. O Flamengo disputou apenas 16 jogos, enquanto o Bahia e mais quatro agremiações cumpriram todos os 19 jogos do primeiro turno.

Para os matemáticos da UFMG, os quatro clubes atualmente na zona de rebaixamento são os que possuem mais chance de queda. Situação mais crítica, claro, é a da Chapecoense, com 96,9% de chances. A Chape soma apenas sete pontos em 17 confrontos e é a única equipe que ainda não venceu.

O departamento da universidade mineira confere ao Bahia 28% de chances de ainda beliscar uma vaga na Sul-Americana, repetindo o Brasileiro do ano passado, quando lutou para não cair e ficou com a última vaga do torneio de clubes que têm status inferior ao da Libertadores.




*Bahia.Ba

Nenhum comentário