Novidades


 

 


Moradora é multada em R$ 1,6 mil por não usar máscara



Uma moradora de um condomínio em Ribeirão Preto (SP) foi obrigada a pagar R$ 1.662,98 após ter sido flagrada duas vezes caminhando sem máscara, item de proteção contra covid-19, dentro das áreas comuns do prédio.

Segundo o Estadão, a mulher resolveu recorrer à Justiça para anular a penalidade, porém a 8ª Vara Cível do município manteve a multa. A juíza Carina Roselino Biagi ao analisar o recurso, entendeu que a cobrança era "razoável, proporcional e exigível, aos moldes da determinação da assembleia geral condominial e das autoridades competentes".

Conforme o processo, a moradora do condomínio chegou a ser advertida por funcionário do local, mas não respeitou a regra do uso da máscara.




*Bahia Notícias

Nenhum comentário