Novidades

 


Rede de fast food ajudará Martagão a manter o programa de transplantes com venda de hambúrguer


Neste sábado, 23 de outubro, quem for a uma das unidades da rede do Mc Donald’s e comprar um Big Mac ajudará o Hospital Martagão Gesteira a manter seu programa de Transplante de Medula Óssea (TMO). Neste dia, toda a renda obtida com a venda desse sanduíche será revertida, na Bahia, para a instituição filantrópica que, por ano, atende a mais de 80 crianças de todo o estado.

Superintendente da Liga Álvaro Bahia (mantenedora do Martagão), Antônio Novaes explica que o transplante de medula óssea do hospital, inaugurado em outubro de 2020, custa cerca de R$ 80 mil, sendo R$ 30 mil repassados pelo SUS e os R$ 50 mil restantes oriundos de doações via McDia Feliz.

“Esta campanha é fundamental. Foi o McDia que viabilizou a realização desse sonho. É um serviço caro, complexo. Foram necessários muitos investimentos em estrutura física, equipamentos, treinamento da equipe. Precisamos do apoio para manter esse programa funcionando”, destaca.

Antes da implantação do programa de TMO do Martagão, pacientes que necessitavam desse tipo de tratamento precisavam se deslocar para outros estados. O Hospital passou a ser o único da Bahia que realiza TMO em pacientes de 0 a 18 anos. Outras unidades de saúde também fazem esse transplante, mas somente acima de 14 anos.




*Metro1

Nenhum comentário