Novidades


 

 


"ACM Neto está pronto e preparado para vencer", diz Bruno Reis


O prefeito de Salvador, Bruno Reis (UB), evitou comentar sobre as mudanças na chapa do PT da Bahia após a desistência de Jaques Wagner de concorrer ao Governo da Bahia. O gestor apoia o pré-candidato ao Governo da Bahia, ACM Neto (UB).

"O que posso assegurar é que estamos preocupados com o nosso trabalho, com o nosso grupo, organizando os partidos que compõem a nossa aliança, preparando um plano de governo. ACM Neto está pronto e preparado para vencer quem quer que seja o candidato. Política é como nuvem. Quinze dias atrás se falássemos isso muitos diriam que isso é um delírio, então veja como é a dinâmica", declarou ontem.

"Só se comenta política com base em fatos concretos. Em relação à disputa, depois, quando todos os nomes estiverem definidos efetivamente, as candidaturas se confirmarem, aí fica mais fácil para os especialistas darem o prognóstico. A gente não sabe quais serão os candidatos, a gente não sabe se essas candidaturas irão se confirmar", emendou.

Segundo o aliado carlista, "a partir de agosto a gente terá um cenário mais definido". "Aqueles que quiserem correr o risco de opinar, eu não quero, poderão dar um diagnóstico com uma precisão maior", afirmou.

O gestor desconversou sobre as mudanças que devem ocorrer a partir de hoje, com a abertura da janela partidária que permite aos candidatos trocarem de partido sem perder o mandato: "É o mês das conversas, das definições. Teremos muitas mudanças e espero ter muitas surpresas boas".

Devido à pandemia da Covid-19, no dia 29 de Março, Salvador irá celebrar sem festa na cidade os seus 473 anos. "Em relação a algum evento, creio que não. Estamos falando de algo daqui a 27 dias, mas nós vamos ter uma série de inaugurações, uma série de novos anúncios que nós vamos fazer de obras e intervenções, programas e projetos, a gente vai ter aí com certeza pelo menos 10 dias de muitas ativações na cidade", sinalizou.

Ele não descartou adotar novas medidas de flexibilização. "Nós temos que avançar e seguir convivendo com o novo cenário que está aí. Temos um índice de vacinação infinitamente superior a outras cidades do mundo, que já adotaram medidas de flexibilização mais avançadas. O que a gente segue é fazendo um apelo para que a população tome, em especial, a dose de reforço. Estamos avaliando quais novas medidas podemos adotar para flexibilizar ainda mais".




*Tribuna da Bahia

Nenhum comentário