Novidades

 


Indígena da etnia Pataxó é morto a tiros no sul da Bahia


Um indígena da etnia Pataxó morreu na madrugada de domingo (24), após ser baleado na Aldeia Novos Guerreiros, em Porto Seguro, no sul da Bahia.

De acordo com Polícia Civil, o crime aconteceu na tarde de sábado (23), e a vítima foi identificada como Iris Braz dos Santos, de 44 anos. Ele foi socorrido para um hospital, mas não resistiu aos ferimentos.


O cacique Sytatã da etnia Pataxó contou que Iris Braz era tio do jovem indígena Vitor Braz, de 22 anos, que foi assassinado a tiros após reclamar do som alto durante a realização de uma festa. O crime aconteceu em março deste ano.

O corpo do indígena foi velado na Aldeia de Coroa Vermelha, em Santa Cruz Cabrália, e o enterro está previsto para a tarde deste domingo, no cemitério de Coroa Vermelha.




*Varela Net

Nenhum comentário