Novidades

 


Embalado, Bahia encara Chapecoense de olho na liderança da Série B


O Tricolor pode chegar à liderança caso vença o time de Santa Catarina com 28 pontos, mesma quantidade do Cruzeiro, porém com um saldo superior. Para se manter na ponta ao termino da rodada, o time de Guto Ferreira terá que torcer para a Ponte Preta vencer os mineiros na quinta-feira (16), em jogo programado para a Arena Mineirão.

Apesar do confronto marcar o duelo de uma equipe que está brigando pela liderança e outra na zona de rebaixamento. Enquanto o Bahia não perdeu pontos dentro da Fonte Nova, a Chapecoense ainda não saiu derrotada como visitante, onde somou 10 pontos.


O Jogo
Para o jogo desta terça, o Bahia terá os retornos dos volantes Patrick de Lucca, após cumprir suspensão automática ao receber o terceiro cartão amarelo, e Rezende, recuperado de uma lesão muscular que o tirou dos dois últimos jogos do time.

Apesar do retorno de Rezende, o técnico Guto Ferreira pode optar pela manutenção do argentino Lucas Mugni na equipe titular e aproveitar a utilização do recém-recuperado durante o jogo.

O volante Emerson Santos, destaque do jogo contra o Operário, destacou a dificuldade esperada para esse encontro. “É um time que sabe jogar bem a competição. Eles têm uma campanha muito boa fora de casa, como nós também temos uma campanha muito boa em casa. A gente já sabe qual a chave para vencer dentro de casa. A torcida vai estar para nos apoiar. Acredito que, se a gente mantiver a mesma pegada, a gente vai conseguir o triunfo em casa”.


Já do lado da Chapecoense, a equipe tenta sair da zona de rebaixamento. O time ocupa a 18ª colocação com 12 pontos conquistados, sendo 10 deles feitos fora de casa. Longe da Arena Condá, a equipe venceu dois jogos, empatou quatro partidas e não perdeu.

FICHA TÉCNICA
Bahia x Chapecoense Série B - 13ª rodada
Local: Arena Fonte Nova, em Salvador
Data: 14/06/2022 (terça-feira)
Horário: 19h
Árbitro: Douglas Marques das Flores (SP) Assistentes: Anderson José de Moraes Coelho e Luiz Alberto Andrini Nogueira (ambos de SP)
VAR: Wagner Reway (PB)

Bahia: Danilo Fernandes; Douglas Borel, Luiz Otávio, Ignácio e Djalma; Patrick de Lucca, Lucas Mugni e Daniel; Rildo, Davó e Rodallega. Técnico: Guto Ferreira.

Chapecoense: Vagner; Pablo, Léo, Victor Ramos e Kevin; Marcelo Freitas, Betinho e Tiago Real; Maranhão, Chrystian e Perotti. Técnico: Gilson Kleina.




*A Tarde/EC BAHIA/Divulgação

Nenhum comentário