Novidades

Hospital Municipal de Simões Filho desmente boatos sobre demissões e falta de medicamentos


A divulgação infundada de que há demissões de médicos e falta de medicamentos no Hospital Municipal de Simões Filho se caracteriza como notícia falsa e irresponsável. Aqueles que a difundem não possuem credibilidade e portanto devem ser desconsiderados. "É lamentável que pessoas se deem ao trabalho de produzir e disseminar informação falsa a fim de prejudicar a imagem da instituição, causando o sentimento de insegurança e pânico na sociedade", afirma a diretora geral do hospital e da Fundação Fabamed, Cláudia Carvalho.


De acordo com o superintendente da Fundação Fabamed, José Saturnino Rodrigues, que é o responsável pela gestão da unidade, "fake news é crime. Confira, desconfie, questione, converse com pessoas próximas, procure em mais de uma fonte e busque a informação original. Não se deixe manipular. Quem espalha fake news é também responsável por suas consequências", alerta Rodrigues.

Recentemente o presidente do Conselho Municipal de Saúde de Simões Filho, José Carlos Deiró, inspecionou as instalações da unidade gerida pela Fundação Fabamed e conferiu de perto o acolhimento e tratamento humanizado dado aos pacientes. “O Hospital Municipal de Simões Filho está com estoque regular de insumos e medicamentos, garantindo os cuidados necessários para profissionais de saúde e pacientes, mesmo diante das dificuldades na aquisição de alguns itens, como máscaras, luvas e aventais, durante a pandemia de coronavírus”, disse.

Nenhum comentário