Novidades

Pesquisa aponta: Elinaldo larga na frente em Camaçari


Em 2015, ACM Neto arrumou as coisas em Camaçari colocando o então vereador Antonio Elinaldo na cabeça, e o ex-prefeito José Tude de vice. A dupla não só acabou com 12 anos de comando petista como parte para a reeleição agora na condição de favorita absoluta.

A 63 dias das eleições, pesquisa A TARDE/Potencial mostra exatamente isso. Em todos os cenários, Elinaldo surfa diante da principal adversária, Ivoneide (PT), mulher do ex-prefeito e ex-deputado Luiz Caetano, que, em 2018, se reelegeu deputado federal, mas não assumiu porque está com a ficha suja.

Oposição desunida

Aliás, Elinaldo começou a gestão bombardeado pelos adversários como suposto chefe do jogo do bicho, mas no andar da carruagem, o bicho pegou foi para Caetano. O ex-deputado Bira Coroa não aceitou que ele tenha pinçado a mulher para o topo da lista.

O duelo histórico lá, desde que o município deixou de ser Área de Segurança Nacional, é entre carlistas e petistas. O carlismo retomou em 2016, após 12 anos de mando do PT, que quer voltar, mas como se diz por lá, tem complicações jurídicas que resultam em implicações políticas.

Camaçari, ao lado de Salvador, Feira e Conquista, forma o quarteto mais cobiçado das prefeituras baianas, pela arrecadação. É a terra do Polo Petroquímico.

A estratégia da oposição inclui continuar dando as cartas nos grandes municípios baianos: Salvador, Feira, Conquista e Camaçari. As cartas já estão na mesa.


*Bahia.Ba

Nenhum comentário